Notícias

Prosseguimento do impeachment de Dilma foi aprovado pela comissão

dilma-preocupada2
Foram 15 votos a favor

Hoje aconteceu mais uma reunião dos senadores responsáveis pelo julgamento do impeachment de Dilma Rousseff, durante a votação para o prosseguimento 15 senadores envolvidos votaram sim para a continuidade e apenas 05 não gostariam da continuidade.

Dos 21 integrantes do colegiado, apenas o presidente da comissão, senador Raimundo Lira (PMDB-PB), não votou. Antes de autorizar a votação no painel eletrônico, ele explicou que só iria registrar voto caso ocorresse um empate.

Caso o Dilma seja impedida de continuar na presidência, a mesma será afastada do governo por 180 dias e Michel Temer se torna presidente oficial do país até o senado realizar totalmente o julgamento da atual presidente da república.

Confira os votos dos senadores:

A favor (15)
Dário Berger (PMDB-SC)
Simone Tebet (PMDB-MS)
Waldemir Moka (PMDB-MS)
Helio José (PMDB-DF)
Antonio Anastasia (PSDB-MG)
Cássio Cunha Lima (PSDB-PB)
Aloysio Nunes (PSDB-SP)
Ronaldo Caiado (DEM-GO)
Ana Amélia Lemos (PP-RS)
Gladson Cameli (PP-AC)
Fernando Bezerra Coelho (PSB-PE)
Romário (PSB-RJ)
Wellington Fagundes (PR-MT)
José Medeiros (PSD-MT)
Zezé Perrella (PDT-MG)

Contra (5)
Gleisi Hoffmann (PT-PR)
Lindbergh Farias (PT-RJ)
José Pimentel (PT-CE)
Telmário Mota (PDT-RR)
Vanessa Grazziotin (PC do B-AM)

Fonte: G1

Recente

Topo