Notícias

Nova rede social “Hello” terá funções não existentes no Facebook

hello

Uma nova rede social estará disponível em breve no Brasil. Do mesmo criador do Orkut, vem aí “Hello”. O  aplicativo vem com novidades exclusivas, como personas, posts anônimos e também será possível saber quem visitou sem perfil. Hoje o Atutec selecionou algumas diferenças em comparação ao Facebook, apontando os lados positivos e negativos. Confira!

Funções que o “Hello” tem que o Facebook não tem:

Personas: Esta é a principal característica da nova rede social. Ela define os posts que aparecem no feed, além de sugestões de amigos baseados em suas características e gostos. São mais de 100 opções disponíveis, envolvendo trabalho, interesses, lazer e identidade. Vale lembrar que é permitido escolher apenas cinco personas por vez.

Sugestões de amizade: O Hello sugere pessoas que podem ser bons amigos. As indicações são feitas através da compatibilidade de gostos. Desta forma, seu feed não fica limitado às pessoas que você já conhece, além de exibir mais conteúdos do seu interesse.

Posts e comentários anônimos: No Hello Network será possível fazer comentários e publicações de maneira anônima, este fator pode causar algumas polêmicas, assim como aconteceu com o “Secret”, um aplicativo que fez muito sucesso no Brasil. É claro que situações de segurança foram planejadas, neste caso, o app tem o e-mail e telefone guardados no momento do cadastro, e isto pode ser disponibilizados a polícia em casos extremos.

O lado negativo dos posts anônimos no Hello é que a função não é gratuita. O usuário precisa desembolsar 100 moedas da rede social para publicações e 50 moedas para comentários. O dinheiro virtual é renovado de acordo com seu nível na rede social. Você também pode adquirir contratando pacotes disponíveis com dinheiro real.

Visita ao perfil: Assim como no Orkut, os usuário poderão saber quem visitou seu perfil.

Classificação de perfil e nível de compatibilidade: O Hello terá um questionário de 60 perguntas de múltiplas escolhas, que estará disponível apenas em inglês. O processo tem intuito de definir personalidades, definindo o usuário como rebelde, mentalista, capitão ou encantador, entre outros.

Nível de conquista: Será medido em base das suas interações. Quando o usuário publica, comenta ou curte um post, ele acumula barrinhas específicas, como se fosse um jogo social. Por fim, a pessoa pode alcançar um objetivo e ganhar conquistas para subir de nível e desbloquear recursos.

Os lados negativos em relação ao Facebook é que ainda não há uma plataforma para web, possui limitações para compartilhamentos de publicações, não há “pages” ou grupos, perfil totalmente público e impossibilidade de ver quem está online.

 

Recente

Topo