Notícias

Microsoft lança recurso para baratear Bitcoin

Até nisso a Microsoft quis investir.

Inclusa na chamada “nova era da moeda”, o Bitcoin já é tratado como um meio mais fácil de se fazer transações, assim como, de pagamentos e muitos deles que eram feitos presencialmente e no risco que atualmente a sociedade se expõe, agora é tudo na comodidade dos bancários de realizar transações com moedas de valor igual ou superior aquela utilizada de costume. Esteve em questão e agora já está decidido que a Microsoft quer investir neste setor que só faz crescer.

A chamada “moeda eletrônica” esteve em pauta pela multinacional que lançou a plataforma chamada de Blockchain. Ela segue as tendências de armazenamento em nuvens, e servirá logo de cara como teste para que os bancos observem qual meio é o mais fácil de se organizar suas pendências financeiras virtualmente, de modo que só utilize a moeda do Bitcoin. Ou seja, será como um livro contábil, onde todas as transações feitas pela moeda vão parar no sistema que contabiliza aquilo que foi transacionado internamente.

Com a intensão de reduzir custos, espera-se que a eficiência no setor financeiro e administrativo dos bancos que quiserem adotá-lo só aumente. A ferramenta irá validar e assegurar todas as trocas de dados entre pessoa jurídica e bancária, que já estará disponível para aquelas empresas que utilizem o Azure, que é como o “DropBox dos bancos”.

Até nisso a Microsoft quis investir.

Até nisso a Microsoft quis investir.

Você deve estar logado para postar um comentário. Login

Deixe uma resposta

Recente

Topo