Notícias

Liminar para desbloqueio do WhatsApp não é aceita pela justiça brasileira

whats
Justiça nega liminar para a volta do WhatsApp

O WhatsApp tentou mas não conseguiu, a liminar enviada para justiça brasileira para o desbloqueio do WhatsApp foi novamente negada, o responsável por não aceitar foi o desembargador Cezário Siqueira Neto.

O bloqueio aconteceu porque o WhatsApp não quer revelar conversar que podem acabar com o tráfico de drogas internacional que está rondando o Brasil.

O desembargador comentou sobre o assunto “O aplicativo, mesmo diante de um problema de tal magnitude, que já se arrasta desde o ano de 2015, e que podia impactar sobre milhões de usuários como ele mesmo afirma, nunca se sensibilizou em enviar especialistas para discutir com o magistrado e com as autoridades policiais interessadas sobre a viabilidade ou não da execução da medida. Preferiu a inércia, quiçá para causar o caos, e, com isso, pressionar o Judiciário a concordar com a sua vontade em não se submeter à legislação brasileira”, afirma o desembargador.

Recente

Topo