Celular

Jovens de até 24 anos têm seus celulares roubados em maior número

Estudo internacional apontou dados referentes

Obviamente ter o celular roubado é um problema para qualquer usuário. Assim como pode acontecer a qualquer pessoa, há sempre o lugar ou a faixa etária que sofre mais com o roubo dos aparelhos.

Issi é o que apontou um estudo do laboratório de pesquisas da Kaspersky, cujo indica que existe, sim, uma faixa estária “de risco”, mais propensa a perder seus smartphones.

De acordo com o estudo, que foi feito e também divulgado pela Kaspersky juntamente com a B2B International, jovens com até 24 anos perdem seus dispositivos com mais frequência que os mais velhos.

Recente

Topo