Notícias

Homem é proibido de usar o Twitter após ameaçar senadores

Angry-Computer-Guy-13

Um caso bastante inusitado aconteceu nos Estados Unidos. Um homem, chamado Kyler Schmitz, foi preso e condenado por um juiz a não usar o Twitter de forma alguma, por qualquer razão e a qualquer pessoa.

De acordo com o site da NBC de Washigton, o rapaz usou a rede social para fazer ameaças pesadas aos senadores do país. O ocorrido foi depois do massacre que aconteceu em Orlando, quando um atirador invadiu uma casa noturna deixando dezenas de vítimas.

Entre os senadores ameaçados, Roy Blunt foi o alvo principal do manifestante: “Eu vou atirar na sua cabeça por permitir que alguém assassine pessoas que amo. Eu literalmente vou comprar uma arma, atirar na sua cara e assistir aos seus miolos se espalharem. Estou indo até você. Não consigo esperar para atirar na sua cara, mano a mano”, escreveu ele em tweets seguidos.

O rapaz será submetido a um teste psicológico e seguirá preso até que a sentença seja definida. Além do bloqueio da rede social, ele está impedido de entrar em Whashington e falar com representantes do governo.

Fonte: Tecmundo

Recente

Topo