Notícias

Gravadoras ficam preocupadas com o crescimento da venda de músicas online

23145931430130-t1200x480
Venda de músicas online faturam R$ 8,7 bilhões

As músicas que são vendidas online estão faturando alto cada vez mais, foram cerca de 8,7 bilhões faturados, um valor ‘X’ é passado para as gravadoras por disponibilizar a venda dessas músicas na internet porém, esse crescimento expressivo estão deixando as gravadoras de cabelo em pé.

“O consumo de música está decolando, mas as receitas destinadas aos criadores não têm mantido o ritmo. Em 2015, as pessoas ouviram centenas de bilhões de áudio e vídeo por meio de serviços com suporte a publicidade, como o YouTube”, comentou o executivo. “Mas a receita desses serviços tem sido escassa – e é menor do que a de outras plataformas de música. Isso está piorando”, disse Sherman.

Serviços como Spotify e Tidal geraram US$ 385 milhões (R$ 1,4 bilhão), para tentar barrar esse tipo de serviço,  um processos têm sido abertos pela RIAA contra agregadores como Aurous, MP3Skull e Megaupload, outro pedido das produtoras é pagar pela licença.

Fonte: ARS TECHNICA/CYRUS FARIVAR

Você deve estar logado para postar um comentário. Login

Deixe uma resposta

Recente

Topo