GPU da AMD podem ser queimados; Entenda 0 12

O drive Crimson está causando sérios problemas para os usuários que o instalam, isso porque muitos relatam que o PC está queimando muito e outros contam que está chegando até queimar o GPU. Após a instalação do software é integrado ao sistema, os coolers das placas de vídeo são configurados para trabalhar com 20% de sua velocidade total.

O grande problema nisso é o super aquecimento que está dando a maquina, fazendo então até a mesma merca de dados importantes. Alguns usuários comentaram sobre o assunto “Quando eu abri o gabinete, a GPU estava tão quente que eu nem consegui retirá-la da entrada PCI-e e tive que esperar ela esfriar”, conta um usuário.

Entenda como resolver esse problema

Como relatado, o driver Crimson mais recente disponibilizado pela fabricante apenas configura a velocidade dos cooler para rodar a 20% da velocidade. Por padrão, essa opção está selecionada para rodar no automático, permitindo que o controlador escolha qual é a velocidade ideal para as ventoinhas, mantendo a temperatura da GPU dentro de níveis seguros.

Para resolver esse problema, caso você tenha atualizado recentemente o driver de sua placa de vídeo, acesse as configurações globais (Global Settings) e em seguida a opção “Global Overdrive”. Na nova janela, marque a caixa de seleção caso ela esteja desmarcada – ela deve estar exibindo a mensagem “(AUTO)” quando configurado para “Off”. Isso vai fazer com que o cooler da placa de vídeo volte a rodar com velocidade automática e determinada pelo controlador da GPU.

AMD-logo

Previous ArticleNext Article
Rita Lemes, administradora do site ATUTEC, amante da tecnologia e viciada em séries da Netflix. Blogueira desde 2009 com passagem por vários sites de TV e se descobriu finalmente no mundo da tecnologia.E-mail: [email protected] Telefone: (14) 99178-8104

Comentar

Mastercard e Cabify oficializam parceria em Porto Alegre 0 325

A Cabify, plataforma focada em soluções inteligentes de mobilidade urbana, e a Mastercard anunciam mais uma parceria para oferecer descontos e também realiza ações de marketing em Porto Alegre (RS). Desta vez, o foco será o jogo de abertura das Eliminatórias da Copa do mundo 2018. O primeiro jogo acontece no dia 31 de agosto (quinta-feira) com a partida Brasil X Equador, na Arena do Grêmio.

Os motoristas parceiros da Cabify rodarão com os carros adesivados com os logos da plataforma e da Mastercard até dia 01/09. A campanha conta ainda com um código especial GOLDEPLACAMASTERCARD que permitirá 25% OFF, com desconto máximo de R$ 15, para até 10 corridas aos usuários de Porto Alegre que utilizam cartão Mastercard como método de pagamento. A ação é válida para corridas finalizadas até as 7 horas da manhã do dia 1 de setembro.

“A parceria entre a Cabify e a Mastercard trouxe resultados surpreendentes, por isso, retomamos a ação de forma estratégica para prover aos usuários da plataforma mobilidade nas viagens para os jogos das eliminatórias com conforto, segurança e praticidade na hora do pagamento, beneficiando tanto o motorista parceiro quanto o usuário”, afirma Nicolas Cañas, General Manager da Cabify em Porto Alegre.

A plataforma destaca-se pelo rígido processo de cadastramento dos motoristas parceiros, que inclui exames psicotécnicos e toxicológicos, e a exigência de carros novos, com ano a partir de 2012. Para garantir a qualidade de seu serviço, a empresa realiza palestras informativas com seus novos motoristas parceiros, onde orienta a respeito de legislação, direção segura e técnicas de atendimento para garantir que os usuários tenham a melhor experiência possível ao se deslocarem de um ponto a outro com a plataforma. Já no quesito segurança a Cabify também se posiciona de maneira forte ao aceitar pagamentos apenas por meio de cartão de crédito e PayPal.

A Cabify opera, atualmente, em sete cidades do Estado de São Paulo – São Paulo, Campinas, Santos, São Vicente, São Bernardo do Campo, São Caetano do Sul e Santo André – e também em outras cinco capitais – Rio de Janeiro (RJ), Belo Horizonte (MG), Brasília (DF), Curitiba (PR) e Porto Alegre (RS).