Notícias

Eduardo Cunha chora ao renunciar à presidência da Câmara

deputado chora ao deixar à presidência

Nesta quinta-feira (07), o deputado federal Eduardo Cunha acabou renunciando à presidência da Câmara dos deputados. O presidente interino Waldir Maranhão será o grande responsável por conduzir uma nova eleição para à presidência da Câmara, o mesmo será o prazo de até cinco sessões.

Durante o seu pronunciamento de renuncia, Cunha acabou ficando emocionado ao deixar seu cargo, algumas pessoas que estavam no Salão Verde da Câmara acabaram dizendo aquela velha frase conhecida por diversos brasileiros ‘Fora Cunha’.

É público e notório que a Casa está acéfala, fruto de uma interinidade bizarra, que não condiz com o que o país espera de um novo tempo após o afastamento da presidente da República. Somente a minha renúncia poderá pôr fim a essa instabilidade sem prazo. A Câmara não suportará esperar indefinidamente.” disse cunha.

Impeachment
Estou pagando um alto preço por ter dado início ao impeachment. Não tenho dúvidas, inclusive, de que a principal causa do meu afastamento reside na condução desse processo de impeachment da presidente afastada. Tanto é que meu pedido de afastamento foi protocolado pelo PGR [procurador-geral da República] em 16 de dezembro, logo após a minha decisão de abertura do processo“, afirmou Cunha durante o pronunciamento.

Cunha também deixou bem claro que adorou contribuir para a saída do governo do PT da presidência do Brasil “A história fará Justiça ao ato de coragem que teve a Cãmara dos Deputados sob o meu comando de abrir o processo de impeachment que culminou com o afastamento da presidente, retirando o país do caos instaurado pela criminosa e desastrada gestão que tanto ódio provocou na sociedade brasileira, deixando como legado o saldo de 13 milhões de desempregados eo total descontrole das contas públicas“, criticou Cunha.

Com os olhos cheios de lágrimas, Cunha acabou agradecendo algumas pessoas próximas pela confiança “Quero agradecer especialmente a minha família, de quem meus algozes não tiveram o mínimo respeito, atacando de forma covarde, especialmente a minha mulher e a minha filha mais velha. Usam a minha família de forma cruel e desumana visando me atingir“, finalizou.

Fonte: G1

Recente

Topo