Notícias

Luto: Após Xiaomi, Microsoft também desiste do Brasil; adeus, Lumia!

Microsoft
Microsoft desistiu do Brasil e da Índia

A gigante de Redmond não dará mais atenção ao Brasil, tampouco à Índia. O seu sistema mobile mais recente não ficará esquecido por inteiro pela empresa, mas em território braseiro não veremos mais os Lumia.

Os executivos Terry Myerson e Satya Nadella enviaram na última quarta-feira uma carta explicativa a todos os funcionários da Microsoft Brasil, e agora foi a vez dos parceiros da empresa receberem uma notificação da gigante. Confira abaixo a carta da empresa:

“O nosso sucesso no mercado de smartphones foi limitado a empresas que valorizam o nosso compromisso com a segurança, gerenciabilidade e Continuum, e com os consumidores que valorizam o mesmo. Assim, focaremos muito mais na divisão de hardware de smartphones. […] Eu usei as palavras “mais focado” acima. Isso na verdade descreve o que estamos fazendo (estamos dando um passo para trás, mas não estamos fora!). Aplicativos Universais: Nós construímos uma plataforma incrível, com um roteiro de inovação rico. Expandir o alcance e capacidade dos dispositivos e desenvolvedores é nossa prioridade. Nós sempre cuidaremos dos nossos clientes, smartphones com Windows não são exceção. Vamos continuar a atualizar e apoiar os nossos atuais smartphones Lumia, parceiros e fabricantes, e desenvolver novos e grandes dispositivos. Continuamos firmes em nossa busca por inovação em todos os nossos dispositivos Windows e os nossos serviços para criar experiências novas e deliciosas. O nosso melhor trabalho para os clientes vem de nossa combinação de dispositivo, plataforma e serviços. Queremos garantir que o seu investimento no Windows 10 Mobile não corre perigo. A experiência móvel do Windows 10 continua muito importante para nossa ambição na computação pessoal. Continuaremos dando suporte e atualizando os dispositivos no mercado, bem como também ofereceremos suporte para aparelhos de outras fabricantes, tais como HP, Acer, Alcatel e VAIO, entre outras. Windows 10 continuará sendo adaptado para dispositivos com telas pequenas. Continuaremos investindo em segurança, gerenciamento e Continuum, que reconhecemos como aspectos chave para melhorar a produtividade dos usuários, além de ajudarmos a gerenciar a demanda por dispositivos Lumia”.

FONTE – WindowsCentral

Recente

Topo