Aplicativos

AdBlock Plus dispara contra decisão do Facebook em obrigar usuários a verem anúncios

O aplicativo AdBlock Plus, responsável por bloquear anúncios durante a navegação na internet, disparou contra o Facebook devido a rede social tomar uma medida que impede o bloqueador de atuar, fazendo que os usuários sejam obrigados a ver as propagandas que estão espalhadas no site.

A Eyeo, responsável pelo aplicativo, através de Ben Williams, gestor de comunicações e operações, emitiu uma nota em seu site oficial repudiando a atitude de Mark Zuckerberg: “Em seu post, o Facebook diz: ‘Quando perguntamos às pessoas sobre por que elas usam softwares bloqueadores de anúncios, o principal motivo que ouvimos é para parar anúncios irritantes e perturbadores’. Se isso é verdade, aparentemente o Facebook concorda que os usuários têm uma boa razão para o uso que softwares de bloqueio de propagandas…mas a esses usuários não deve ser dado o poder de decidir o que querem bloquear?”

Williams seguiu disparando contra a rede social e anunciantes: “Em qualquer caso, é difícil de imaginar que o Facebook ou as marcas que são anunciadas em seu site tenham algum tipo de valor através dos anúncios: as publicações (como o Facebook) alienam a audiência e os anunciantes (as marcas) permitem que a sua marca seja empurrada goela abaixo das pessoas”

Recente

Topo