Notícias

A cura da AIDS pode estar próxima; Entenda

20160322200214_660_420
Será que estamos próximo da cura?

Uma grande novidade pode surgiu a qualquer momento se tratando do HIV, a Universidade Temple, nos Estados Unidos conseguiu retirar o genoma do HIV de uma célula infectada em um paciente com AIDS.

Para o feito, os pesquisadores usaram a ferramenta CRIPSR/Cas9, que normalmente é vista como uma maneira de evitar doenças genéticas ou introduzir novos genes. No entanto, a pesquisa mostra uma nova forma de uso, que é remover o código genético de vírus como o HIV das células de seus hospedeiros, conforme o artigo publicado na revista Nature.

Para dar um pouco de contexto: retrovírus como o HIV injetam seu código genético nas células do hospedeiro, e, assim, elas se replicam. Os medicamentos retrovirais que existem hoje são bastante eficazes em controlar esta replicação, mas, assim que o paciente para de tomar o remédio, o vírus volta a se multiplicar rapidamente, atingindo o sistema imunológico.

Neste experimento, o geneticista Kamel Khalili e seus colegas extraíram as células T, que são os glóbulos brancos responsável pelo combate a agentes desconhecidos no corpo, de um paciente infectado. Em seguida, o CRISPR/Cas9 adaptado para atingir o DNA do HIV-1 fez seu trabalho. O RNA guia analisava o genoma da célula T procurando pelo material viral, e, assim que uma combinação era observada, uma enzima removia o material danoso. Então, o DNA da célula reparava o material removido com sucesso.

Tudo isso pode indicar a cura do HIV, mas esse acontecimento está um pouco longe de acontecer, primeiro precisa realizar todos os testes para saber se há alguma contra indicação para humanos ou algo do tipo.

Fonte: Gizmodo e Nature

Você deve estar logado para postar um comentário. Login

Deixe uma resposta

Recente

Topo